Angela, filme sobre Angela Diniz, ganhou nova data de estreia

Angela, com Isis Valverde, tem estreia adiada

O filme “Angela”, inspirado na vida da socialite mineira Ângela Diniz, interpretada por Isis Valverde, teve sua estreia nos cinemas adiada em uma semana. Antes marcada para chegar no dia 31 de agosto, agora a obra chega no dia 7 de setembro. O longa teve sua premiere nacional durante o 51º Festival de Cinema de Gramado e entrou na lista dos 28 filmes que podem ganhar uma indicação brasileira para postular uma vaga para Melhor Filme Internacional no Oscar 2024.

O longa-metragem é focado nos últimos meses de vida da Angela e nas consequências de uma conturbada relação amorosa com o empresário Raul Fernando do Amaral Street (Gabriel Braga Nunes), que culminou em um dos casos de assassinato mais famosos de todos os tempos no Brasil. No elenco, estão ainda Alice Carvalho (Cangaço Novo), Bianca Bin, Carolina Mânica, Chris Couto, Emílio Orciollo Netto e Gustavo Machado. A produção é da Bravura Cinematográfica e a coprodução é da Star Productions. A direção é de Hugo Prata, roteiro de Duda de Almeida e a distribuição é da Downtown Filmes.

Relembre nosso veredito aqui!

Este é o segundo longa-metragem dirigido por Hugo Prata, produzido pela Bravura Cinematográfica e distribuído pela Downtown Filmes. O primeiro foi o longa-metragem “Elis”, que ultrapassou a marca de meio milhão de ingressos vendidos.

Sinopse:

Após uma tumultuada separação e ter que ceder a guarda dos seus três filhos, a famosa socialite Ângela Diniz conhece Raul, e acredita ter encontrado alguém que ama seu espírito livre tanto quanto ela. A atração avassaladora fez o casal largar tudo e viver o sonho de reconstruir suas vidas na casa de praia. Mas a vida tranquila rapidamente se transforma quando Raul começa a se mostrar um homem agressivo, violento e controlador. A relação declina para o abuso e a violência, dando origem a um dos casos de assassinato mais famosos de todos os tempos no Brasil.

Leia também:

Uma Família Feliz: um thriller com Grazi Massafera e Reynaldo Gianecchini

O impacto perturbador de “O Barulho da Noite”

“Tia Virgínia” diverte e arranca aplausos em Gramado

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *