Otto Guerra recebeu o Troféu Eduardo Abelin, diverte o público e divulga novidades no 45º Festival de Cinema de Gramado

Direto do Festival de Cinema de Gramado

O Troféu Eduardo Abelin é concedido para cineastas, diretores e entidades brasileiras. Em 2007, por exemplo, a escolha foi para a Casa de Cinema de Porto Alegre; já em 2012, o vencedor foi Arnaldo Jabor.

Dessa vez o escolhido foi Otto Guerra. O cineasta e animador de 61 anos teve a sua estreia no Festival de Cinema de Gramado em 1984, com o seu primeiro curta-metragem, O Natal do Burrinho.

O final de semana foi de muito alvoroço em torno dos trabalhos do cineasta. Na tarde de sábado, dia 19 de agosto, uma coletiva com Otto ocorreu no Mundo do Chocolate, loja da marca gramadense Lugano. Em uma pequena e escura sala de projeção, pudemos conhecer um pouco mais sobre essa mente criativa e divertida.

Introduzido por Roger Lerina, o diretor se mostrou extremamente espirituoso e simpático. Sempre largando comentários engraçados durante o bate-papo, Otto falou sobre obras antigas, novos projetos e a sua perspectiva sobre a Animação no Brasil. Comentou sobre a sua surpresa ao descobrir que o criador da série animada “O Irmão do Jorel”, veiculada no canal pago Cartoon Network, foi seu aluno há mais de vinte anos atrás. Ainda comparou a animação com outros desenhos, destacando a sua qualidade.

Além de dar uma verdadeira aula sobre a história da animação no Brasil, Otto ainda falou sobre a sua produtora, a Otto Desenhos Animados, prestes a completar 40 anos de existência. De acordo com o diretor de Wood & Stock: Sexo, Orégano e Rock’n’Roll, o motivo da prosperidade na área é o dinheiro ser um quesito secundário.

Sobre os projetos para o futuro, o diretor comentou sobre a “A Cidade dos Piratas”, trabalho que está sendo feito juntamente à cartunista Laerte. A estreia é planejada para o ano que vem e esperamos que, assim como seus outros trabalhos, também seja lançado no Festival de Cinema de Gramado.

Com exclusividade para os veículos que compareceram à coletiva, ele falou sobre a sua autobiografia, que está sendo produzida. Segundo ele, mais de 700 páginas foram escritas, no entanto, ele tendo simpatizado com um único parágrafo:

“Sentado na janela enquanto anoitece, ouço perturbadores sons urbanos mal amplificados pelo aparelho da minha orelha esquerda e me pergunto: quem é essa figura, que aparentemente sou eu? Se nem isso sei, como contar a sua história?”

Contudo, o momento mais aguardo para Otto com certeza era a noite de sábado, dia 19. Após uma série de vídeos de amigos e familiares comentando sobre o talento, bom humor e jovialidade do animador, o troféu foi entregue por seu amigo e sócio, José Maia. Em um momento de muita emoção, Guerra agradeceu a homenagem e fez um discurso cheio de críticas.

Exaltou a importância da Ancine para o cinema brasileiro, que, de acordo com ele, está em seu melhor momento. Destacou, ainda, o quanto o nosso país é culturalmente rico e que, muitas vezes, não damos o merecido respeito a isso. “O Brasil é um grande país. A gente pode ser a saída para um mundo que não seja tão egoísta, tão ligado em dinheiro, tão mesquinho. O Brasil tem essa chave”, disse Otto Guerra. Falou ainda sobre questões políticas, que, também, sempre estão de certa forma representadas em suas obras.

No domingo, dia 20, a sala de exibição do Museu do Festival de Cinema lotou, com o público aguardando para assistir quatro dos seus curtas, mostrados em ordem de lançamento. Quem estava presente ficou em deleite com O Natal do Burrinho, de 1984 (que lhe rendeu o seu primeiro Kikito, como melhor curta gaúcho), O Reino Azul, de 1989, O Arraial, de 1997 e com Nave Mãe, de 2004.

Todos os dias, até o final do 45º Festival de Cinema de Gramado, serão reexibidos os curtas de Otto Guerra, sempre às 11h, no Museu do Festival.

O que nos resta agora é aguardar por “A Cidade dos Piratas”, que com certeza atrairá mais uma levada de fãs e prêmios para o divertido cineasta.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *